01 agosto 2016

A ALEGRIA DE SER PERDOADO

https://files.acrobat.com/a/preview/a44e2aa7-5af4-4da8-9c76-3b70802e2977

A ALEGRIA DE SER PERDOADO

INTRODUÇÃO: Falar sobre perdão nos faz mais parecido com os céus, pois foi por esse motivo que Jesus veio ao mundo: “para livrar o seu povo dos seus pecados” (Mt. 1.21). Procure entender à luz da Palavra de Deus que o perdão é a manifestação da graça de Deus ao homem para que este seja literalmente salvo.
O objetivo deste estudo seRrá o de mostrar que o maior fruto do perdão é a alegria.


Esta parábola representa duas coisas muito importantes:

1.       A pessoa de Deus como o Pai cheio de compaixão, amor e perdão.
2.       A pessoa dos filhos que arrependidos voltam para a casa paternal.

AS ATITUDES DO FILHO QUE SAIU DE CASA

1.  Pediu a parte da sua herança – O pai não reteve o que era do filho embora não tenha sido a hora de herdar seus bens.
Sua vida é assim. Se você quer usufruir dela Deus até permite, porém o desejo Dele é que você esteja na Sua presença (em casa) e não longe.

2.  Ajuntou tudo o que era seu e partiu. Ele teve o cuidado de juntar tudo o que lhe pertencia e foi para longe, “a fim de afastar-se da vigilância e disciplina do pai”. Essa atitude rebelde do filho mostra que existe muita gente assim, que, para esconder os seus erros, se afasta do seu pai, de seu líder, de seu pastor etc. e vai para uma terra distante onde comete as maiores atrocidades contra Deus e sua palavra. Quanto mais perto de casa o filho estiver, menos erros cometerá.

3.  Desperdiçou a sua fazenda vivendo dissolutamente. O cuidado que ele teve em ajuntar tudo o que tinha não foi o mesmo na administração da herança. Dissolutamente é a maneira de administrar sem responsabilidade.

ATITUDES DO FILHO AO VOLTAR PARA CASA

Quatro coisas marcaram o retorno do filho pródigo ao seu lar paternal. Estas coisas também precisam acontecer na vida daqueles que querem voltar aos braços de Deus.

1.  O arrependimento.  A expressão do versículo 18 determina o arrependimento do filho que disse “levantar-me-ei e irei ter com meu pai”.
2.  A confissão de seu erro e indignidade. A atitude que mais assegura uma pessoa arrependida é quando ela faz confissão.
3.  A entrega total. A disposição do filho arrependido foi tão grande que não importava se ele seria recebido como filho ou como servo. Para ele o importante era uma entrega sem reservas ao Pai.
4.  A conversão. O termo “levantando-se foi” consolida a mudança de vida daquele filho.

Conclusão:

1.  Você reconhece quais os pecados que comete contra Deus?
2.  Está disposto a: arrependido voltar para Deus?

3.  Entenda que não se trata de ser merecedor ou não, mas da graça perdoadora do Pai que te ama. Volte pra Ele hoje, agora.

aAp. Josenilton Pinheiro.

Nenhum comentário: