10 outubro 2011

Atos de movimentos - Série ATOS DE FÉ


Marcos 5.25-34

Todo ato de fé precisa ter seus movimentos.
1.     O filho pródigo precisou se levantar e se mover em direção a casa do seu pai, Lucas 15.20a.
2.   O cego de nascença precisou se mover e lavar-se no tanque de Siloé, João 97.
3.   Pedro precisou se movimentar para andar sobre as águas com Jesus, Mateus 14.29.
Doze anos foi tempo demais para o sofrimento dessa mulher. Costumo dizer que o tempo de alegria da filha de Jairo foi o tempo de sofrimento dessa mulher. È que, o tempo de alegria de um pode ser o tempo de agonia do outro. O fato é que, apesar de um tempo tão longo, há muita lição para nós neste texto.
Uma alma indesistível. Desde o começo do seu problema ela buscou solução nos recursos humanos para acabar o seu sofrimento. Mesmo não obtendo êxito ela continuou acreditando.
Uma alma investidora. Ela fez um alto investimento para recuperar a sua saúde.
Uma alma criativa. Ela variou suas tentativas. Buscou “vários médicos”. É triste constatar como as pessoas desistem com tanta facilidade depois de uma tentativa que não deu certo.
Se você tentou resolver seu problema e não deu certo, tente de novo. Tente de outra forma, mas não desista. Tente.
Uma alma receptiva. Enquanto a solução do problema não chega é muito importante o que você ouve, e, principalmente de quem você ouve.
“Ouvindo a fama de Jesus” você muda toda a forma de ver as coisas:
1.     O que você ouve pode te levantar ou te fazer cair. Depende de você.
2.   O que você ouve pode te animar ou te desanimar. Depende de você.
3.   O que você ouve pode te curar ou te adoecer. Depende de você.
Atos de fé exigem que nos movimentemos explorando os recursos humanos que estão à nossa disposição.
Muitas vezes os recursos humanos são a resposta divina para a solução dos nossos problemas. Para se utilizar bem os recursos humanos à sua disposição você precisa responder à pergunta: O que eu posso fazer?
Atos de fé exigem que nos movimentemos em direção ao divino. Quando os recursos humanos falham, os de Deus entram em ação.
Quando ela se movimentou para o divino sua atitude também foi mudada. Ela foi movida por fé. Dizia: “Se eu apenas lhe tocar as vestes, ficarei curada”, v.28. Sua fé não estava mais nos recursos que tinha, mas no poder restaurador de Jesus.
Aplicações:
1.     Frente aos problemas que você tem quais os recursos humanos que estão à sua disposição? Utilize-os com sabedoria. Explore-os o Maximo que puder.
2.   Depois de uma e outra tentativa, tente outra vez. Se o seu problema é de ordem física não se entregue no primeiro diagnóstico médico. Provoque reações na sua alma. Tente de outra forma.
3.   Lembre-se que é dever de todos nós buscarmos o Reino de Deus e sua justiça. Se até aqui você não buscou ajuda nos recursos divinos, não se exaspere. Comece agora mesmo a mudar a direção dos seus movimentos. Mova-se para o sobrenatural.
Em doze anos aquela mulher perdeu tempo, dinheiro e perdeu também a paz.
Quando ela se movimentou em direção a Jesus dois milagres ela alcançou:
1.     A cura de sua enfermidade.
2.   A paz para a sua alma.
Ela precisava de paz porque uma alma enferma é pior do que um corpo enfermo. Porém, Jesus tem cura pra ambos.
Mova-se em fé!


Josenilton Rosa Pinheiro