15 setembro 2010

Viver


Viver é equilibrar o nascer e o morrer,
O plantar e o colher,
É equilibrar a morte e a cura.
É reconstruir depois da demolição.
Viver é equilibrar o peito entre o choro e o riso,
Entre o pranto e a celebração tão necessária.
Viver é espalhar pedras e juntá-las novamente.
É o equilíbrio entre o abraçar e o afastar-se de abraçar,
É equilibrar a busca e a perda que sempre acontece,
É guardar e desaparecer em equilíbrio.
Viver é rasgar, é coser.
Viver é equilibrar a voz e o silêncio,
O amor e o ódio,
Viver é o equilíbrio entre a guerra e a paz.
Viver é se equilibrar no chamado tempo!

Josenilton Pinheiro
Inspirado em Eclesiastes 3

Nenhum comentário: