14 maio 2012

Amar. Simples assim!


Amar. Simples assim!


“Seja a vossa amabilidade conhecida por todas as pessoas. Breve voltará o Senhor”. Fil.4.5

“Dizem que a pessoa faz a comunidade, e que a comunidade faz a pessoa”.
Inácio Larrañaga.
Ainda que despercebidamente os ‘dias voam’. Como nos acostumamos dizer, nada pode justificar a indiferença entre os filhos de Deus.
Vinte e quatro horas parecem poucas frente a tanta coisa que temos pra fazer. Na verdade não sei se temos que fazê-las ou se é um chamado desconexo das nossas rotinas que nos transformam mais e mais em ativistas impensantes.
Dizer ‘eu te amo’ ou demonstrar um simples gesto de afeto fica cada vez mais raro neste sistema tão pra si mesmo e tão doentio! Todavia, é neste sistema de vida que somos convidados a refletir tantas verdades profundas e não pouco esquecidas.
Nas palavras do apóstolo Paulo, demonstração de amor é algo para ser vivido, ministrado até que as pessoas, pelo menos as mais próximas de nós conheçam qual a melhor definição de Deus: Deus é amor! (1 Jo 4.8). Quando transmitimos amor transmitimos o próprio Deus!
Declarações póstumas não produzem nada. Quem é amado precisa ouvir e receber esse amor enquanto vivo.
Toda comunidade cristã é convidada a ministrar amor em todo tempo. Aos de dentro e mais urgentemente aos de fora.
Que o Eterno encha nossos corações de seu terno amor para ministrarmos amabilidade uns aos outros. Por que razão? Por uma só: “Breve voltará o Senhor” e os que amam estarão para sempre com Ele.

Josenilton Rosa Pinheiro.

Nenhum comentário: