22 setembro 2011

Ensinar


Tu, pois, que ensinas a outro, não te ensinas a ti mesmo? Tu, que pregas que não se deve furtar, furtas?
                                                                                                                          Apóstolo Paulo- Romanos 2.21

“A tarefa que nos é proposta não é a de ensinar o aprendido, mas de mostrar o vivido”.
                                                                                                                                   Vladimir Pérez Ramírez

O excesso de informações pode até levar alguém a aprender alguma coisa, mas não existe pelo menos na vivencia cristã, outra forma mais eficiente que a do modelo. Do exemplo.
Ensinar não é repassar informações. É cutucar a mente do aprendiz para que reaja às infinitas formas de aprendizado.
Ensinar não é imposição mordaz. É promover o crescimento de dentro pra fora.
Quando “ensinamos” apenas o que aprendemos, repassamos aos nossos alunos meras informações.
Quando mostramos o que aprendemos, vivendo o que aprendemos, aí sim, repassamos com eficácia a essência do ensino.
Minha oração é que eu aprenda a ensinar a mim mesmo, para então de modo exemplar, poder ensinar a outros.


Josenilton Rosa Pinheiro.

Nenhum comentário: