22 fevereiro 2016

FALSIDADE GOSPEL

“...em perigos entre os falsos irmãos;”
2Coríntios 11:26.


Antes da sua conversão Paulo era um perseguidor da igreja. Um inimigo cruel dos cristãos. Encontrar-se com Jesus foi a experiência mais extraordinária e reformadora que ele teve.
Ele era perseguidor, mas um perseguidor de verdade e quando se converteu, se converteu de verdade.
Na sua jornada missionária passou por muitos perigos dentre eles conviver com falsos irmãos.
Eles ainda estão por aí promovendo desgraças por onde passam. Enganam e não sofrem nenhum tipo de punição. Mentem descaradamente e exigem que os outros sejam verdadeiros com eles. São incapazes de perdoar e não medem esforços para ver a miséria dos outros.
São irreconciliáveis. Ingratos.
Falsos irmãos são um perigo.
São indiferentes, orgulhosos, hipócritas, miseráveis, não tem compaixão, julgam todos para proteger-se de seus próprios delitos.
Cuidado com os falsos profetas.
Cuidado com os falsos mestres.
Cuidado com as falsas doutrinas.
Cuidado com os falsos irmãos.

Fique com Deus, Verdade e Vida.

Nenhum comentário: